PUBLICIDADE
Cinema

Mortdecai: Johnny Deep continua preso na mesma?

3 de junho de 2015, POR

O Super Nerd » Cinema » Mortdecai: Johnny Deep continua preso na mesma?

PUBLICIDADE

Mortdecai estreou dia 12 de março de 2015 em território nacional. O longa foi um fracasso em críticas e financeiramente, custando cerda de 60 milhões de dólares conseguiu arrecadar apenas metade disto em todo o mundo. Um filme apresentado para o público errado.

© Material de divulgação passível de direitos autorais.

Johnny Depp não consegue mais ser o ator "inovação" que já foi um dia.

® Relate qualquer abuso de Uso Indevido de Imagem clicando aqui.

Johnny Depp não consegue mais ser o ator “inovação” que já foi um dia.

Johnny Depp é o grande nome do longa, atua e assina como produtor, mas não anda bem ultimamente. Seus últimos papeis tem mostrado que não há novidades em nada que apresenta, já não é mais aquele ator inovador ou nunca foi. É perfeitamente possível enxergar em Mortdecai todas as pequenas nuances do seus maiores personagens dos últimos tempos e, principalmente, de Jack Sparrow.

Depp já está tão acostumado em ter um jeito tão peculiar em suas caracterizações que acaba consumindo a si próprio sem exercer a vasta criatividade permitida em seus papéis para criar personagens exóticos. Mesmo com notável tentativa de criar um novo personagem para este longa, Johnny Depp não consegue esconder seus antigos traços e parece ser sempre o mesmo.

Charles Mortdecai – interpretado por Depp – é o protagonista da história. Um personagem que trabalha tanto na ilegalidade quanto fora dela. Um típico golpista que, quando necessário, fica ao lado do governo, assim como Sparrow. Mortdecai é um falido, mimado, covarde e egocêntrico. E sempre precisa da ajuda do seu fiel “criado” Jock – interpretado por Paul Bettany.

A relação entre Jock e Mortdecai é completamente cômica, em alguns momentos chega a ser divertida. A dependência de Mortdecai é evidente, e a vontade de Jock a aceitar tudo que lhe é imposto chega a ser absurda. Talvez uma crítica as exigências mimadas de patrões para os funcionários, que precisam aceitar o que lhe for proposto por necessidade.

Em meio a este ambiente está Johanna – interpretada por Gwyneth Paltrow – esposa de Mortdecai, e Martland – interpretado por Ewan McGregor – um investigador do Mi5 que possui uma sutil rivalidade com Mortdecai por ser apaixonado por Johanna. Ambos são apenas um plano de fundo mal utilizado, apenas Johanna consegue ganhar espaço mais ao final do filme.

Apesar de contar com um bom elenco em mãos, grande parte do filme se concentra em algo inesperado: o bigode de Mortdecai. O exagero é tanto que, tal bigode, passa a ser como parte integrante do elenco e grande uma importância absurda na história através de piadas repetitivas que acabam perdendo a graça ao longo do filme.

O longa é cheio de problemas em sua execução, roteiro com algumas piadas repetitivas, existência de personagens vagos e desnecessários, o tom não consegue respeitar o ritmo cômico. Não é o típico filme com grande elenco que faz a diferença. A verdade é clara: Mortdecai não era um filme para cinema mas, talvez, para a televisão.

Mesmo com suas falhas, consegue agradar o espectador normal e menos crítico, justamente aquele que adora passar o tempo assistindo o que tiver na televisão. Mortdecai é um filme para esse público. O longa acerta ao produzir bons figurinos, trabalha bem na direção de arte, os efeitos de transição entre os locais são interessantes, mas mesmo assim não chega nem perto de ser memorável.

Johnny Depp e todo elenco, mesmo repletos de esforços para fazer tudo funcionar majestosamente, cometem o erro de não explorar nada durante todo o longo e não é possível identificá-los como personagens exclusivos a história. É um filme a altura dos novos “A Pantera Cor de Rosa” de Steve Martin, há quem goste e a esses Mortdecai será, sem dúvidas, um excelente filme.

Mortdecai, Crítica
2.5
Sending
User Review
0 (0 votes)

A estrutura do site, bem como os textos, os gráficos, as imagens, as fotografias, os sons, os vídeos e as demais aplicações informáticas que os compõem são de propriedade do "O Super Nerd" e são protegidas pela legislação brasileira e internacional referente à propriedade intelectual. Qualquer representação, reprodução, adaptação ou exploração parcial ou total dos conteúdos, marcas e serviços propostos pelo site, por qualquer meio que seja, sem autorização prévia, expressa, disponibilizada e escrita do site, é vedada, podendo-se recorrer às medidas cíveis e penais cabíveis. Leia aqui os Termos de Uso e Responsabilidade.

O Super Nerd

O Super Nerd

Completamente apaixonado e envolvido pelo mundo do entretenimento, da tecnologia e do conhecimento. This is a job for... Super Nerd!

PUBLICIDADE

comentários mais nerds do planeta

O Super Nerd disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site, não se responsabilizando por opiniões, comentários e mensagens dos usuários sejam elas de qualquer natureza. Por favor respeite e siga nossas regras para participar. Compartilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas. Leia aqui os Termos de Uso e Responsabilidade.

artigos relacionados

Send this to a friend