PUBLICIDADE
Opiniões

5 motivos por não existirem mais filmes memoráveis

30 de março de 2015, POR

O Super Nerd » Opiniões » 5 motivos por não existirem mais filmes memoráveis

PUBLICIDADE

Você já parou para pensar que, da última década, existem poucos filmes memoráveis? Fora os filmes que ganham extensa popularidade, nos últimos anos, grande parte dos filmes tem sido esquecida após sua estréia. Mas, por que isso acontece?

Antigamente, lá para meados da década de sessenta a oitenta, existiram milhares de filmes. Por incrível que pareça, grande parte desses filmes são lembrados até hoje. E, ainda, muitos deles são atuais a nossa época e adorados até pelos mais novos.

© Material de divulgação passível de direitos autorais.

De Volta para o Futuro é um exemplo de filme memorável que marcou a vida de muitas pessoas e tem marcado até hoje.

® Relate qualquer abuso de Uso Indevido de Imagem clicando aqui.

De Volta para o Futuro é um exemplo de filme memorável que marcou a vida de muitas pessoas e tem marcado até hoje.

Você, com certeza, deve ter alguns – ou até vários – filmes antigos na memória, não é mesmo? Mas, você já reparou que isso não acontece muito com os filmes atuais? Hoje em dia mal lembramos que muitos filmes aconteceram e, apesar de amar um ou outro, é raro ter aquele grande apego e memória por um filme.

É claro que os grandes blockbusters sempre nos marcam de certa forma – as sagas, os filmes de super heróis, alguns exclusivos. Mas, os filmes de histórias originais têm se tornado cada vez mais obsoletos. Por exemplo, Interstellar foi uma boa história original, mas nem todos ainda lembram dele, e daqui um tempo menos pessoas ainda irão lembrar.

Quais são os motivos para não existir tantos filmes memoráveis?

#1 Muitos lançamentos

Você já parou para pensar quantos filmes saem, ao redor do mundo, a cada mês e a cada ano? São números realmente grandes e “exaustivos” sendo que, geralmente, apenas 10% destes se destacam – e costumam ser os blockbusters.

E, você deve estar pensando: mas quanto mais filmes, melhor. Você está certo! Mas, Hollywood é uma maquina de fazer dinheiro acima de tudo, quando há muitos lançamentos significa que, em muitos deles, há menos dinheiro investido para obter o máximo de lucratividade possível.

Esse fato acaba tirando grande parte da qualidade e preocupação sobre os filmes originais. E aqueles que priorizam “qualidade e preocupação” acabam não ganhando muito destaque por parecerem, aos olhos dos investidores, “muito arriscados” – poucos estúdios dão espaço para isso.

Era preciso diminuir um pouco a quantidade de lançamentos – que em sua maioria são “iguais” a outras ideias que já existem. Assim, seriamos capazes de absolver muito mais os filmes que sairiam, e os estúdios se concentrariam mais em produzir filmes de qualidade, não elaborados apenas para “vender” mas para conquistar e de certa forma permanecer na vida do público.

Curiosidade: Só esse ano a estimativa é que saiam 400 filmes, destes podemos apostar que apenas 10% serão realmente bons e originais. Fonte: Lista de Filmes 2015.

#2 Dinheiro acima do público

Atualmente, a regra é: obter o máximo de lucro possível nas estreias. Isso tem acontecido, principalmente, por causa da pirataria e da internet. Se um filme não tem destaque nas estreias e não ganha dinheiro ali, tudo vai por água abaixo. Por isso, os grandes investidores adotam a ideia de não fazer filmes “arriscados” demais.

Antigamente, sem o excesso de pirataria, o quadro era o mesmo. Porém, as ideias eram completamente diferentes. Como as estratégias de marketing eram um pouco mais complicadas e escassas, era preciso criar algo que “desse o que falar”. Por tanto, quanto mais arriscado na época, melhor poderia ser.

Com a tendência das coisas se tornarem “virais” com a internet – e “viral” significa mais público. É necessário apenas atiçar as pessoas a verem um filme, independente da qualidade. Isso significa que, mesmo que o filme for ruim, as pessoas vão querer ver pois sentem que precisam ver. Mas, em suma, o filme não fará diferença nenhuma na vida delas.

Existem exceções em que se consegue juntar filmes “virais”, cheio de qualidade e com uma história original – alias, é assim que nasce um filme que marca gerações. Mas, a sede por obter o máximo de dinheiro possível tem deixado muitos filmes enjoativos e repetitivos, assim surge o terceiro e quarto motivos.

#3 Maria vai com as outras

A segunda regra em Hollywood deve ser: se uma história deu certo, aguarde, irão surgir diversas histórias “iguais”. Para eles, isso é certeza de lucro, “quando se está na moda fazer filme sobre vampiros, é hora de correr para sair o máximo de filmes de vampiros que for possível”. Veja aqui, apenas alguns exemplos.

Apesar de algumas dessas criações “idênticas” darem um certo lucro, a maioria delas é um fracasso total. Então, porque continuam fazendo filmes assim? Simples: aproveitam o “marketing” dos grandes filmes semelhantes assim – na cabeça deles – pode dar certo. Mas, por outras vezes, não copiam a história em si, mas a maneira como os outros estúdios tem feito e que tem dado certo.

#4 Excesso de franquias, sagas e “modinhas”

Diga, quantas franquias e sagas estão ativas no mercado? São muitas! Isso é perfeito e maravilhoso para os fãs, mas exaustivo para o mercado, sempre chega uma hora que cansa. As franquias e sagas fazem um tremendo sucesso, principalmente, porque os fãs mais féis sempre estarão lá para verjá viu esse boato para novos filmes da saga Crepúsculo? Acredite muita gente veria.

As franquias e as sagas, devido ao grande sucesso entre fãs, não abrem espaço para criação de histórias originais. Porém, há uma nova “moda” que tem se aproximado pode mudar esse quadro. Com a construção do Universo Cinematográfico da Marvel, muitos estúdios estão “famintos” para terem seus próprios universos nos cinemas.

Então, é de se esperar que tenhamos algumas “criações” de universos originais para solidificarem os estúdios nos cinemas. Mas, da mesma forma que as franquias e sagas, chega uma hora que tudo começa a ficar exaustivo – principalmente, quando não fazem direito.

#5 Falta de criatividade

A sede por lucro, as histórias “iguais”, franquias, sagas e “modinhas” no geral, estão defasando os profissionais. Ao invés de procurarem por histórias novas e completamente inéditas, se concentram no que já deu certo e não permitem que o público se surpreenda a cada minuto do filme.

E, isso acaba criando profissionais “viciados”. Já discutimos sobre a falta de criatividade aqui no blog, clique aqui para dar uma olhada!

Filmes cada vez mais descartáveis

A questão é que Hollywood tem perdido dezenas de oportunidades para criar filmes empolgantes, originais, únicos, memoráveis e que durem por muitos e muitos anos. Afinal, antigamente faziam isso com frequência e muito bem. O cinema tem perdido um pouco da sua arte e capacidade de tocar a vida das pessoas, se tornado cada vez mais comercial.

Talvez eu esteja apenas ficando velho demais para aceitar tantos filmes descartáveis. Ou talvez uma sociedade acostumada com novas informações a todo momento e totalmente conectada, esteja mais apta para aceitar qualquer tipo de filme. Mas, e você, qual a sua opinião?

A estrutura do site, bem como os textos, os gráficos, as imagens, as fotografias, os sons, os vídeos e as demais aplicações informáticas que os compõem são de propriedade do "O Super Nerd" e são protegidas pela legislação brasileira e internacional referente à propriedade intelectual. Qualquer representação, reprodução, adaptação ou exploração parcial ou total dos conteúdos, marcas e serviços propostos pelo site, por qualquer meio que seja, sem autorização prévia, expressa, disponibilizada e escrita do site, é vedada, podendo-se recorrer às medidas cíveis e penais cabíveis. Leia aqui os Termos de Uso e Responsabilidade.

O Super Nerd

O Super Nerd

Completamente apaixonado e envolvido pelo mundo do entretenimento, da tecnologia e do conhecimento. This is a job for... Super Nerd!

PUBLICIDADE

comentários mais nerds do planeta

O Super Nerd disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site, não se responsabilizando por opiniões, comentários e mensagens dos usuários sejam elas de qualquer natureza. Por favor respeite e siga nossas regras para participar. Compartilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas. Leia aqui os Termos de Uso e Responsabilidade.

PRÓXIMO ARTIGO

artigos relacionados

Send this to a friend